Apocalyptica: Uma noite inesquecível!

Apocalyptica veio ao Brasil festejar lançamento Plays Metallica by Four Cellos que faz 20 anos.

Por Marcos Franke

Fotos Flavio Santiago

Os finlandêses do Apocalyptica estiveram em São Paulo promovendo o aniversário do álbum Plays Metallica By Four Cellos, que faz 20 anos. Com isto, incluiram a sua formação o músico Antero Manninen, que fez parte da primeira formação do grupo, completando com Eicca Toppinen (violoncello), Paavo Lötjönen (violoncello), Perttu Kivilaakso (violoncello) e Mikko Sirén na bateria. O público em massa presente no show eram fãs do Metallica, que compareceram em grande quantidade na casa de shows Tropical Butantã, em São Paulo.

O Apocalyptica não enrolou muito e logo começou com as músicas que compõe o álbum. Como não se empolgar com versões incríveis para clássicos imortais como ‘Enter Sandman’, ‘Master of Puppets’ ou ‘Harvester of Sorrows’. Melhor ainda é ouvir as histórias dos integrantes do grupo. Eicca Toppinen, foi o mais falante de todos e contou que quase não consegue acreditar que há tanto tempo iniciou esta jornada dos sonhos em sua vida, interpretando músicas de uma banda que tanto ama. Contou também que sempre pensa neste álbum como uma grande porta de oportunidades que foram surgindo, concedendo a oportunidade de viajar ao redor do Mundo, introduzindo ‘Wherever I May Roam’. O interessante é ver a grande paixão desta banda por este álbum. Perttu Kivilaakso era o mais empolgado, que freqüentemente agitava o público e se comunicava com Paavo, responsável pelo terceiro cello.

O momento mais dark ficou para o quarto violoncelista, Antero Manninen, que conhecido como Mr.Cool, ficou sentando praticamente o show inteiro. Eicca, brincou em alguns momentos com o músico dizendo que nem eles sabem por que ainda o convidam para as turnês – rindo muito. A banda completou o setlist do álbum com Welcome Home (Sanitarium) – um grande clássico. A banda deixou o palco para um pequeno intervalo, retornando com Fade to Black. O baterista Mikko Sirén entrou em cena com ‘For Whom the Bell Tolls’ – um grande clássico do álbum Ride the Lightning (1984) do Metallica. Mas um dos momentos mais incríveis da noite foi a pequena homenagem da banda ao público brasileiro, tocando um trecho de ‘Refuse/Resist’ do Sepultura no final do show. É sempre muito estranho sermos prestigiados, com esta grande quantidade de bandas históricas formadas na Europa e nos EUA. Sempre precisamos ser lembrados por estrangeiros que temos grandes bandas no Brasil, de importância Mundial, como o Sepultura. Estes 30Hz ficarão em memória em meu coração como o melhor show instrumental do ano! Parabéns á Rádio Corsário pela acertada escolha. Bravo!

 

 

 

SETLIST

Enter Sandman

Master of Puppets

Harvester of Sorrows

The Unforgiven

Sad But True

Creeping Death

Wherever I May Roam

Welcome Home (Sanitarium)

-Intervalo-

Fade to Black

For Whom the Bell Tolls

Fight Fire with Fire

Orion

Escape

Battery

BIS

One

Refuse/Resist

%d blogueiros gostam disto: