Evanescence faz show histórico em São Paulo.

CULTURA: SÃO PAULO,SP, 23.04.2017 - EVANESCENCE - ESPAÇO DAS AMÉRICAS - da banda Evanescence durante apresentação no Espaço da Américas, na zona oeste em São Paulo/SP, neste domingo, 23. (Foto: Flavio Hopp / RAW Image)

Texto: Marcos Franke

Fotos: Flavio Hopp

 

O show feito pela banda no Espaço das Américas prova que a banda tem talento para continuar na estrada por muito tempo e empolga pela grande desempenho após hiato de quase cinco anos.

Evanescence em apresentação no Espaço das Américas

A missão das bandas de abertura nunca foi fácil, ainda mais com a responsabilidade de abrir para uma banda de fãs fanáticos como os do Evanescence. A banda carioca Radioativa se apresentou para um público receptivo, afinal havia vencido o concurso da rádio 89 FM e ainda foi escolhida pela Amy Lee, líder do Evanescence, para fazer o aquecimento do show. Conforme alguns fãs da platéia, a banda Radioativa é conhecida pelos seus shows em eventos de Anime não apenas no Rio de Janeiro, como em São Paulo também. Legal que o esforço da banda acabou sendo reconhecido de forma bem inusitada – por um estrangeiro. Com músicas que empolgaram uma boa parte do público no Espaço das Américas, a banda Radioativa deixa o palco após meia hora de apresentação com a sensação de missão cumprida. Com um atraso de praticamente uma hora, a banda Evanescence começa seu tão esperado show. A banda percorreu todos clássicos de seus três álbuns entre eles músicas apenas encontradas em bônus de seus álbuns como New Way to Bleed e Disappear. A grande performance de Amy Lee nos vocais impressionou este que vos escreve, pois nota-se uma melhora significativa no alcance vocal da cantora. Não faltaram também momentos de histeria por parte de fãs, onde alguns choravam copiosamente com a execução de My Immortal do álbum Fallen/2001. Houve também momentos de grande interação entre Amy Lee e seus fãs, que fez de tudo para agradar aqueles que estavam próximos a grade. Uma das grandes performances da noite fica também para os músicos que acompanharam o Evanescence. A alemã Jennifer “Jen” Majura, a guitarrista e backing vocals da banda e que também já foi baixista da banda Equilibrium e guitarrista do Knorkator (bandas de folk metal da Alemanha), teve um desempenho incrível acompanhando o vocal de Amy Lee sem problema algum. O baterista Will, que já participou de bandas como Slaughter, Static-X e Mötley Crüe adicionou aquele clima roqueiro ao show, que apenas bateristas experientes sabem incluir, ajudando a agitar o público a cada momento necessário. O guitarrista Troy McLawhorn também não deixou de agitar quando era necessário, empolgando e muito os fãs do lado direito do palco. Não esqueci o baixista Tim McCord, o músico que acompanhou com tranqüilidade o bom trabalho de Will Hunt. Espero que com a volta da banda e com os shows lotados, o Evanescence volte a gravar álbuns e que esta não seja um ensaio para uma despedida dos palcos de um dos grandes fenômenos do pop rock do século 21. [MF]

Evanescence em apresentação no Espaço das Américas

MEMBROS

Amy Lee – vocal, piano, teclado

Jen Majura – guitarra

Tim McCord – baixo

Will Hunt – bateria

Troy McLawhorn – guitarra

 

SETLIST

Everybody’s Fool [Fallen/2003]

What You Want [Evanescence/2011]

Going Under [Fallen/2003]

The Other Side [Evanescence/2011]

Lithium [The Open Door/2006]

Even in Death [Origin/2000]

My Heart is Broken [Evanescence/2011]

Made of Stone [Evanescence/2011]

Haunted [Fallen/2003]

New Way to Bleed [Evanescence/2011]

Take Cover [TBA/2017]

Breathe No More [Anywhere But Home/2004]

My Immortal [Fallen/2001]

Your Star [The Open Door/2006]

The Change [Evanescence/2011]

Disappear [Evanescence/2011]

Call Me When You’re Sober [The Open Door/2006]

Imaginary [Fallen/2003]

Bring Me to Life [Fallen/2003]

-BIS-

Whisper [Fallen/2003]

%d blogueiros gostam disto: